domingo, 12 de junho de 2011

Esquecida!

12 comentários:

Anónimo disse...

Olá Alexandrina. Belas fotos. Uau, não lhe conhecia esse lado :)))

Virei mais vezes

António Carvalho

aa disse...

Olá Pof. Tó Carvalho, muito obrigado pela sua visita! Será sempre muito bem-vindo por aqui...:)
O Prof. tem vocação para os poemas e para a pintura e eu tenho o gosto pela fotografia... coisa que não tinha à quase 20 anos atrás é claro...:-)

Cmc's
AA

prosasdeoutono disse...

Olá AA,
Bela foto e ao mesmo tempo um arrepio...Quem partiu e deixou a chave na porta para não mais voltar?? Sinal dos tempos, o abandono do interior...Gostei

Bjs
Alex

Remus disse...

Esquecida... mas em vez de esquecida pode ser ignorada. Pode ser um lugar tão mau, que as pessoas até têm medo de lá entrar.
:-P

Pormenor bem captado, em que que o bom nível de contraste é a cereja em cima do bolo.

VagaMundos disse...

Uma fotografia brilhante. O pormenor das teias de aranha mostram bem o esquecimento a que foi entregue.
Beijinhos

ZEKARLOS disse...

Gosto muito deste tipo de fotografia, muito bom

Armindo C. Alves disse...

Sinais do tempo!
Interior desértico!
Nem a chave foi necessário tirar da porta...

Simbolismo e alerta...
Bonita foto.

Abraço.

Helder Ferreira disse...

As teias de aranha estão fantásticas! :)

Hugo de Macedo disse...

É curioso, o pormenor das teias de aranha, a chave (ainda) na porta...

Excelente registo.

Transmontana disse...

Olá AA!
Mais uma bela foto que demonstra a sua capacidade para captar coisas duma realidade bem presente no interior, a desertificação! Parabéns!
Beijinhos
Anita

Existe um Olhar disse...

Mistério...que histórias por detrás daquela velha porta?
Uma composição excelente e um olhar único e cheio de arte e sensibilidade.
Parabéns
Manu

photoattraction disse...

Belo p&b com um optimo contraste.